Mario tendinha Lucira

11 de OUTUBRO a 19 de JANEIRO

Sala 2 | Entrada livre

*Tem um SUL para contar ao mundo e é o que faz em várias exposições depois de 25 anos sem pintar devido à destruição do seu atelier, quando Angola foi invadida pelas tropas Sul Africanas.
E é ali onde tudo acontece, onde o SUL começa, acaba e recomeça.
Mário Tendinha, angolano, *carrega o saco das memórias do seu SUL e transporta-nos com a magia do seu fino traço para uma viagem através desse seu SUL.
Ele é um contador de estórias.

*Ana Paula Tavares in Meridionális

Horário:

De segunda a quinta-feira: 9h00 às 23h00

Sexta-feira: 9h00 às 24h00

Sábados: 10h00 às 24h00

Domingos e Feriados: 10h00 às 19h00

Dias de espetáculo: até ao final do espetáculo

 

cae rodap

Gentes do Mar

 
instagram png instagram logo site

cmffpb