JS O APOCALIPSE SEGUNDO FERNANDO PESSOA E OFELIA QUEIROS 11 10 2017 174

 

O APOCALIPSE
Segundo Fernando Pessoa e Ofélia Queirós

SEXTA-FEIRA, 14 de SETEMBRO, 22H00

Grande Auditório | 1h10 | M 12 | Entrada: 10,00 euros

 

Este espetáculo reúne várias artes – literatura, teatro, música, canto e dança – em torno da ideia do reencontro de Fernando Pessoa e Ofélia Queirós no Cais das Colunas, num plano intemporal e visionário muito ligado ao imaginário de Lisboa, do Tejo e do Atlântico. Num modelo inspirado no Apocalipse segundo São João, Ofélia revela a Pessoa a verdade fundamental sobre o sentido do seu encontro e do amor e obtém o reconhecimento do Pessoa ortónimo e dos seus vários heterónimos. A obra dá voz a passagens e momentos capitais da vida e obra de Pessoa e recria o episódio da Ilha dos Amores, de Luís de Camões, em torno de Pessoa e Ofélia.

O projeto, encenado por Miguel Babo e escrito por Paulo Borges, professor do Departamento de Filosofia da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, autor de vários livros sobre Fernando Pessoa, estende o convite a uma equipa de artistas multidisciplinares.

Autor e Dramaturgia: Paulo Borges | Direção Artística: Miguel Babo, Sandra Battaglia, Paulo Borges, Rui Reis | Música -  autoria e direção musical: Rui Filipe Reis | Coreografia: Sandra Battaglia | Encenação: Miguel Babo | Vídeo: Luís Fernandes | Elenco Dança: Amalgama Companhia de Dança | Elenco Texto / Teatro: "Ficções do Interlúdio" - Sónia Balacó , Álvaro Faria, João Damasceno, Paulo Borges, Miguel Babo | Elenco Música: Trio Caixa de Pandora e quarteto Vocalónimus | Produção Executiva: Talentilicious

 

 

cmffpb