Música

Simone TL 1000x1450 CAE FIG FOZ

 

Bilhetes à venda em www.ticketline.pt

17 Novembro às 21h30 e 18 Novembro às 16h30 e 21h30

Grande Auditório | 1h40 (com intervalo) M/6 | Entrada: 17,50 e 22,50 euros

 

Amada por todos, Simone de Oliveira é sinónimo de força, autenticidade e coragem. Artista completa, na sua carreira abraçou mais de sete ofícios, fazendo sempre frente aos desafios que a vida lhe lançou. Foi jornalista, locutora de continuidade, apresentadora de concursos e programas de televisão e rádio. Aos 79 anos, Simone de Oliveira ainda tem sonhos por concretizar e muitas memórias para partilhar. A partir de temas icónicos como “Desfolhada”, “Sol de Inverno”, “Esta Palavra Saudade” e “Tango Ribeirinho”, Simone vai desvendar-se e, mais uma vez, entregar-se publicamente pelo que acredita, pelo que sente como destino, pelo que a torna um exemplo acarinhado por todos os portugueses.

Mas “Simone, O Musical” é muito mais que um musical em nome próprio, onde a sua história, recheada de personagens como Varela Silva, Ary dos Santos, Carlos do Carmo e David Mourão Ferreira, é pautada pela música e humor. Ao lado de FF, José Raposo, Maria João Abreu, Marta Andrino, Pedro Pernas, Ruben Madureira, Sissi Martins e Soraia Tavares, Simone tem encontro marcado com todos nós.

Texto e encenação: Tiago Torres da Silva | Direção Musical: Renato Júnior | Cenografia: Catarina Amaro | Figurinos: Dino Alves | Desenho de Luz: Paulo Sabino | Coreografia: Paulo Jesus | Fotografia do Cartaz: Rui Figueiredo | Assistente de encenação: Salvador Nery

Intérpretes: Simone de Oliveira, FF, José Raposo, Maria João Abreu, Marta Andrino, Pedro Pernas, Ruben Madureira, Salvador Nery, Sissi Martins, Soraia Tavares | Banda: Hélder Godinho  (ass. dir. musical/piano), Miguel Amado (baixo/contrabaixo), Ricardo Barriga (guitarra), David Jerónimo (bateria) | Produção – UAU

 

foto Fausto

 

Capitão Fausto

SÁBADO, 2 de DEZEMBRO, 21h30

Grande Auditório | 1h15 | M 6 anos | Entrada: 8,00 euros

 

“Somos uma banda rock de Lisboa”. A simplicidade com que os Capitão Fausto se descrevem desarma qualquer um. Porque é assim que se sentem e é assim que vivem. A história de Tomás, Salvador, Francisco, Manuel e Domingos tem o seu primeiro capítulo em 2011, com “Gazela” – o Álbum de estreia. Em 2014 “Pesar o Sol” chega aos escaparates. E é neste segundo álbum que se impõem como uma das mais originais e criativas propostas do nosso país. Em 2016 são as canções de “Capitão Fausto Têm os Dias Contados” que os levam a superar todas as expectativas.

Em 2017, os Capitão Fausto apresentam o novo álbum nas salas mais nobres do nosso país: os teatros. E serão estes teatros a mostrar a banda que soube como crescer ao lado dos fãs. A mostrar a banda que renasce a cada disco, que se renova com o cuidado de quem quer construir uma carreira sólida, de uma forma aparentemente galopante mas sem o torpor do deslumbramento. Para os Capitão Fausto “Os Dias Estão Contados”. Porque crescer é inevitável.

 

 

CarlaBruni cover Photos Copyright Mathieu Zazzo

Carla Bruni 2017 Photos Copyright Mathieu Zazzo

 

Carla Bruni - French Touch

Sexta-feira, 26 de JANEIRO, 21h30

Grande Auditório

 

Carla Bruni estreia-se ao vivo em Portugal numa digressão que passará pelo CAE, no dia 26 de janeiro de 2018. Este concerto faz parte da digressão de "French Touch", o seu 6º álbum, que foi editado no passado dia 6 de outubro.

Deste disco, inteiramente dedicado a versões de músicas icónicas, fazem parte, entre outras, "Enjoy the Silence", dos Depeche Mode; "Miss You" dos Rolling Stones; "Crazy", de Patsy Cline; "Highway to Hell", dos AC/DC; ou "Perfect Day", de Lou Reed, interpretados pela voz da cantora com uma roupagem minimalista.

Com uma carreira musical que começou em 2002 com "Quelqu'un m'a dit", que vendeu mais de 2 milhões de unidades em todo o mundo e sem novo trabalho editado desde 2013, altura em que lançou "Little French Songs", "French Touch" marca o regresso de Carla Bruni à música e aos palcos, num concerto absolutamente a não perder.

 

 

Concerto de Ano Novo net

 

Orquestra Metropolitana de Lisboa

DOMINGO, 7 de JANEIRO, 16h00

Grande Auditório | 1h15 (com intervalo) | M 6 anos | Entrada: 10,00 euros

 

E a festa… continua! Passado o Réveillon, há que despertar a energia do Novo Ano com uma celebração a rigor.

Surpresas à parte, propõe-se polcas, marchas, valsas, danças rústicas e contos de fadas na companhia da eterna juventude dos músicos da Orquestra Metropolitana de Lisboa e do maestro Sebastian Perłowski. A música do incontornável Johann Strauss II marca o compasso. Tchaikovsky e Dvořák ajudam nas honras da casa, contribuindo com algumas das mais belas melodias de sempre.

Na hora de «Reiniciar», brindamos a entrada de mais um ano que se deseja feliz, com paz e muita saúde. Um bom 2018!

 

Cartaz Stacey18 CAE low

 

 

Sexta-feira, 1 de JUNHO de 2018, 21h30

Grande Auditório

Stacey Kent dispensa quaisquer apresentações, sendo uma das artistas mais acarinhadas pelo público português, enchendo salas onde quer que actue. A sua simpatia, o amor e domínio da língua Portuguesa e muita bossa é algo que os fans já esperam da cantora mas desta vez, Stacey Kent tem uma proposta muito especial: Stacey Kent Symphonic!

Acompanhada pela Orquestra das Beiras sob direcção do Maestro António Vassalo Lourenço, Stacey Kent apresenta-se pela primeira vez acompanhada de orquestra e apresenta o seu mais recente trabalho “I know I dream – The Orchestral Sessions”.

Um espectáculo seguramente memorável e imperdível!

 

 

 

 

cmffpb